O Frade Comilão


 

O Frade comilão

 

Antigamente, em Mafra, todos os anos, era costume fazer-se uma grande caçada. Depois as pessoas iam comer. Entre essas pessoas estavam reis, príncipes, princesas e frades. E entre estes havia um frade que comia até ter de se desabotoar todo. Todos os anos era a mesma coisa. Ora no fim do banquete faziam um brinde ao rei. E num desses banquetes houve alguém que fez queixa ao rei do frade comilão. O rei pensou, pensou até que teve uma ideia. No ano seguinte, depois da caçada, veio o banquete e à hora do brinde o rei levantou-se e disse:

- Dou a honra de fazer o brinde àquele frade aqui presente.

O frade para não se pôr em pé, com medo de verem como estava, disse:

- Para fazer o brinde ao rei só de joelhos.

E assim o frade comilão fez o brinde ao rei sem as pessoas verem como ele estava.

 

(Recolha de David Pedro Marques Grades, 12 anos, Mafra. In O Carrilhão, n. 12, 1 Fev. 1981).